Partilhar

Flores comestíveis: nomes, características e usos

 
Por Redação umCOMO. 10 julho 2020
Flores comestíveis: nomes, características e usos

Além de ótimo elemento de decoração e solução perfeita para proporcionar aromas agradáveis em qualquer ambiente, flores também podem funcionar como opção de ingrediente comestível, sendo cada vez usadas na elaboração de pratos deliciosos em diferentes culinárias.

As possibilidades, inclusive, vão além das famosas violetas, as primeiras flores que foram introduzidas na confeitaria, e agora é possível incorporar diversos tipos de flores em praticamente qualquer receita. Se você quer inovar nos pratos e descobrir nossas propostas, com certeza está se perguntando quais são as flores comestíveis. Neste post do umCOMO, te apresentamos uma lista com 43 flores comestíveis e trazemos ótimas ideias para que você possa surpreender seus convidados.

Também lhe pode interessar: Caules comestíveis

Flores comestíveis

Na natureza há muitas flores que podem ser consumidas, ainda que nem todas sejam usadas na gastronomia. De fato, há flores comestíveis doces, enquanto que outras são usadas para dar novos sabores aos pratos salgados. Descubra, a seguir, 43 tipos de flores comestíveis que possuem diferentes usos na cozinha, e que ganharam bastante popularidade nos últimos anos:

  • Manjericão (Ocimun basilicum)
  • Alelí (Mathiola Incana)
  • Papoula (Papaver rhoeas)
  • Laranjeira (Citrus sinensis)
  • Begônia (Begonia semperflorens)
  • Borragem (Borago officinalis)
  • Boca-de-leão (Antirrhinum majus)
  • Flor de jambu (Sechuan Buttons)
  • Abóbora (Cucurbita máxima)
  • Abobrinha (Cucurbita pepo)
  • Calêndula (Calendula oficinalis)
  • Camomila (Chamaemelum nobile)
  • Capuchinha (Tropaeolum majus)
  • Cebola (Allium cepa)
  • Cebolinha (Allium schoenoprasum)
  • Centáurea (Centaurea nigra)
  • Cravo (Dianthus caryophyllus)
  • Cravo chinês (Dianthus spp)
  • Crisântemo (Chrysanthemum)
  • Dente-de-leão (Taraxacum officinale)
  • Endro (Anethum graveolens)
  • Alisso (Lobularia maritima)
  • Flor de coentro (Coriandrum sativum)
  • Gerânio (Pelargonium spp)
  • Girassol (Helianthus annus)
  • Sardinheira (Pelargonium peltatum)
  • Hibisco (Hibiscus rosa sinensis)
  • Erva-doce (Foeniculum vulgare)
  • Jasmim (Jasminum officinale)
  • Lavanda (Lavandula angustifolia)
  • Lilás (Syringa vulgaris)
  • Malva (Althea rosea)
  • Margarida (Bellis perennis)
  • Menta (Mentha)
  • Moricandia (Moricandia ramburei)
  • Mostarda (Lepidium campestre)
  • Amor-perfeito (Viola spp)
  • Prímula (Primula vulgaris)
  • Alecrim (Rosmarinus officinalis)
  • Rosa (Rosa spp)
  • Tomilho-limão (Thymus citriodorus)
  • Violeta (Viola odorata)
  • Mandioca (Manihot esculenta)
Flores comestíveis: nomes, características e usos - Flores comestíveis

Flores comestíveis mais consumidas

Entre os 43 tipos de flores comestíveis que apresentamos no item acima, algumas são bem conhecidas, ainda que às vezes não seja tão comum o uso da flor, mas de outras partes da planta. É o caso, por exemplo, da cebolinha, do endro e do coentro, opções incríveis para preparar molhos e temperos.

Dessa vez, vamos nos concentrar nas três flores que são mais consumidas e populares no preparo de receitas. As possibilidades dessas flores na cozinha são múltiplas, pois além de serem usadas para decorar os pratos, elas também casam muito bem com diferentes alimentos.

Rosas comestíveis

Independentemente da cor, as rosas se caracterizam por um sabor que mistura perfeitamente o doce e o picante. Essa flor é usada há bastante tempo na gastronomia como flores comestíveis para bolo e no preparo de sobremesas e doces como sorvetes, geleias e sucos.

No entanto, você também pode encontrá-la em outros pratos, inclusive usando rosas para cozinhar carnes cozidas ou com molho, como frango e cordeiro. Uma opção mais ousada, mas igualmente deliciosa, é incluir as rosas em pratos como o cuscuz.

Violetas para consumo

Esta é uma das flores mais usadas na cozinha tradicional, sendo seu uso mais comum no preparo de sobremesas e doces, como flores comestíveis para bolo muito por conta de seu sabor característico, que é adocicado e mentolado ao mesmo tempo. Embora seja mais usada para fazer caramelos, geleias e doces em conserva, a verdade é que essa flor também é ideal para sorvetes e picolés, podendo também ser incorporada aos ensopados de carne.

Moricandia Arvensis

Embora você possa não reconhecê-la apenas as pelo nome, é bem capaz que você já tenha consumido essa flor alguma vez na vida, por ela ser uma das mais usadas para decorar pratos. No entanto, ela também é ideal para consumo, por conta de seu sabor que lembra muito o da mostarda, o que a torna ideal como ingrediente nas saladas. Além disso, ela também combina muito bem com carnes, brancas e vermelhas, e com peixes.

Flores comestíveis: nomes, características e usos - Flores comestíveis mais consumidas

Receitas com flores que comemos

As flores comestíveis podem ser usadas em diferentes receitas, já que é possível combinar seus inumeráveis sabores de acordo com o paladar de cada pessoa. Por exemplo, uma boa combinação consiste em usar o cravo misturado a alguns queijos cremosos, criando assim um bom aperitivo. Também é possível usá-lo em pratos com frutas, promovendo um sabor diferente às sobremesas.

  • As saladas são outro tipo de prato que permite diversas misturas, incluindo o uso de diferentes flores. Entre as mais usadas estão, por exemplo, o manjericão, a centáurea e a papoula. Esta última, por sinal, também combina muito bem com frutas, assim como a begônia, perfeita para saladas de frutas.
  • Se você deseja acompanhar um prato original com uma bebida ainda mais criativa que inclua flores comestíveis, saiba que a flor de borragem é, devido ao seu sabor de pepino, ideal para fazer drinks com gim.
  • E se você pensa que outros alimentos mais comuns, como arroz e legumes, não permitem o uso de flores para consumo, você está muito enganado! Essas são algumas das opções que combinam perfeitamente com a camomila.

Esperamos que, após apresentarmos a você 43 tipos de flores comestíveis no umCOMO, tenhamos te ajudado a saber mais sobre as flores para consumo, bem como a conhecer os diferentes tipos de sabores de flores doces e picantes que existem por aí.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Flores comestíveis: nomes, características e usos, recomendamos que entre na nossa categoria de Comida e Bebida.

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?

Flores comestíveis: nomes, características e usos
1 de 3
Flores comestíveis: nomes, características e usos

Voltar ao topo da página