Partilhar
Partilhar em:

O que acontece se comer carne estragada?

O que acontece se comer carne estragada?

Carne estragada frequentemente é motivo de preocupação pelo fato de ser possível consumi-la sem perceber que ela já está fora do prazo de validade, infectada ou tem algum outro problema que faça dela um alimento não recomendado para o consumo. Logo, pode acontecer de você comer carne e só depois saber que ela está estragada. Ou, se cogita comer carne não recomendada, o umCOMO reuniu informações para mostrar o que acontece se comer carne estragada?

Também lhe pode interessar: Como saber se a mortadela está estragada

Faz mal comer carne estragada?

Intoxicação alimentar é o termo usado para identificar complicações após o consumo de alimentos estragados. A carne é uma causa comum desse tipo de envenenamento. Pessoas que desenvolvem intoxicação alimentar após comer carne podem ter apresentado essa complicação por diversos motivos:

  • A carne ficou muito tempo fora da geladeira (mais de duas horas);
  • Armazenamento e transporte em temperatura inadequada;
  • Carne fora do prazo de validade;
  • Alimentos processados que utilizaram carne estragada;
  • Processos de higiene da carne não foram respeitados no seu ciclo de produção;
  • O animal já estava contaminado;
  • Carnes velhas "maquiadas" com produtos químicos para terem uma boa aparência;

O que acontece nas condições citadas acima é que a carne fora das suas circunstâncias de armazenamento ideais ficada cada vez mais vulnerável à proliferação de micro-organismos, bactérias e fungos que quando consumidos refletem no bem estar do carnívoro. Como consequência, pode aparecer a intoxicação alimentar, que pode apresentar sinais diferentes em cada pessoa e depende do grau de intoxicação. Os sintomas mais comuns costuma ser:

  • Dor de cabeça;
  • Vômito;
  • Diarreia;
  • Febre.

A "boa notícia" é que o ser humano produz anticorpos que muitas vezes conseguem reagir contra esses agentes de uma forma que o mal estar da intoxicação alimentar consequente do ato de comer carne estragada seja passageiro e o organismo se recupere em questão de alguns dias. Quanto menor a porção consumida, mais chances dessa recuperação natural.

Ainda assim, uma intoxicação alimentar pode se desdobrar para quadros irreversíveis e ser fatal. Crianças, gestantes e idosos devem ter atenção redobrada a qualquer suspeita de intoxicação alimentar por comer carne estragada.

As bactérias também podem ser uma realidade em carne estragada e causarem infecção bacteriana, que é quando a bactéria entra no organismo do consumidor. Uma vez na carne, elas se multiplicam cada vez mais rápido. Algumas das bactérias comuns em carne estragada que costumam causar infecções são:

  • Bacilus cereus
  • Staphylococcus aureus
  • Salmonella sp

A "salmonela" é uma das mais conhecidas e mais comuns infecções bacterianas. Ela tem mais incidência em carne de aves, os sintomas são os mesmos de uma intoxicação alimentar mas também podem apresentar dor muscular e sangramento nas fezes.

No caso da carne de porco, também pode haver contaminação por vermes que usam o animal como hospedeiro intermediário e o ser humano como hospedeiro definitivo, a tênia (solitária) é um dos exemplos mais conhecidos.

Como evitar carne estragada

Com o conhecimento público sobre carnes estragadas sendo mascaradas pela própria indústria, essa se tornou uma preocupação maior entre a população. Todavia, é possível saber se a carne está estragada prestando atenção em alguns detalhes e tomando certos cuidados ao consumi-la:

  • Verifique a data de validade;
  • Repare sempre na cor, textura e cheiro;
  • Confira a procedência dos produtos e de qual frigorífico eles vieram. Procure saber o histórico desse frigorífico;
  • Não deixe a carne fora da geladeira por mais que duas horas;
  • Coma em restaurantes de confiança.

O que fazer se comer carne estragada?

A carne estragada é um fator muito variável já que depende muito do estado de apodrecimento, da infestação dos micro-organismos e bactérias e do organismo de cada pessoa. Sempre que você suspeitar de uma infecção causada por carne estragada isso deve ser motivo de preocupação.

Mesmo que tenha sido por um quantidade pequena, você pode até tentar tratar a intoxicação alimentar cuidando do seu organismo. Mas o ideal é que você procure um médico para ter o diagnóstico exato e as indicações de tratamento. A qualquer sintoma de intoxicação ou infecção bacteriana por carne estragada em crianças, gestantes e idosos, procurar ajuda médica é imprescindível.

Se deseja ler mais artigos parecidos a O que acontece se comer carne estragada?, recomendamos que entre na nossa categoria de Comida e Bebida.

Comentários (0)

Escrever comentário sobre O que acontece se comer carne estragada?

O que lhe pareceu o artigo?

O que acontece se comer carne estragada?
1 de 3
O que acontece se comer carne estragada?